ABI BAHIANA

ABI lamenta a morte do professor Edivaldo Boaventura

A Associação Bahiana de Imprensa (ABI) lamenta a morte do Professor Edivaldo Machado Boaventura, presidente do Conselho Consultivo da instituição. O escritor e ex-diretor do jornal A Tarde faleceu aos 84 anos, na madrugada desta quarta-feira (22), por complicações de um cateterismo realizado na tarde desta terça, 21. Ele deixa a esposa Solange e os filhos Lídia e Daniel Boaventura. O sepultamento será no Cemitério Jardim da Saudade, nesta quinta-feira (23), às 15h.

O presidente da ABI, Walter Pinheiro, ressalta as contribuições do professor para as áreas da educação e da cultura. “Ele é uma figura muito reverenciada em nossa comunidade, em face do seu talento como professor, homem público, jornalista, escritor e imortal, membro da Academia de Letras da Bahia. Uma personalidade merecedora de reverências na sociedade baiana pela idoneidade e dignidade com que sempre atuou, seja em favor da educação, cultura e jornalismo em nosso Estado”.

O dirigente lembrou do convívio com o colega na ABI. “Extremamente cordial, como era da personalidade do professor Edivaldo. Estou abalado com a notícia, mas ele deixa todo esse legado, principalmente em favor da educação e também pela prática da verdade e do bom jornalismo, como sempre lutou, na medida em que esteve à frente do jornal A Tarde. Perdemos mais um grande nome. Prestamos nossas condolências a Solange Boaventura e à família”, completa Pinheiro.

Edivaldo Boaventura nasceu na cidade de Feira de Santana, no dia 10 de dezembro de 1933. Cursou o ensino secundário no Colégio Antônio Vieira, em Salvador, formou-se em direito e ciências sociais, e obteve a livre docência pela Universidade Federal da Bahia (Ufba). Era mestre e PhD em educação pela Universidade Estadual da Pensilvânia (EUA).

A trajetória desse semeador de ideias, descrito por Jorge Amado como “o baiano que possui o mais impressionante curriculum vitae”, está registrada no livro “Um cidadão prestante”, do jornalista, poeta e professor Sérgio Mattos. A obra é uma rica entrevista biográfica, na qual Edivaldo Boaventura reafirma o magistério e a educação como objetivos.

ABI BAHIANA Notícias

Obra biográfica conta trajetória do professor Edivaldo Boaventura

“Um Cidadão Prestante” é o título do mais novo livro do jornalista Sérgio Mattos. Em formato de entrevista biográfica, a obra conta a trajetória do professor Edivaldo Machado Boaventura, com o qual o autor compartilhou experiências enquanto trabalhavam na redação do jornal A Tarde. O lançamento ocorre no dia 4 de novembro, às 18h30, na Reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador.

A publicação, lançada através da Quarteto Editora com apoio da UFBA, promete preencher uma lacuna da história do jornalismo baiano, sendo resultado da experiência profissional de duas personalidades com contribuições no campo do jornalismo e da educação.

Serviço

O que: Lançamento do livro “Um Cidadão Prestante”, de Sérgio Mattos
Quando: Dia 4 de novembro, às 18h30
Onde: Reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA) – Rua Augusto Viana, Canela.
Informações: [email protected]